You seem to be located in .
Vá ao seu site de mercado Scania para mais informações.
Portugal
region sprzedaży
Production units

UMA DEMANDA

Scania Transport Laboratory

A caminho de um EURO 6 recorde

Para testar os novos veículos e conhecer mais sobre as condições sentidas pelos motoristas, o Scania Transport Laboratory percorre distâncias impressionantes. O veículo com o recorde faz parte de uma frota de 35 veículos utilizados pelo laboratório de transportes, uma das ferramentas da Scania para obter dados da vida real sobre o setor dos transportes.

Os veículos na frota do laboratório incluem um G 280 e um R 730, e são utilizados para transportar carga, incluindo caixas de velocidades e motores, entre as unidades de produção Scania em Södertälje, na Suécia, e Zwolle, na Holanda. O peso bruto dos veículos na frota é, em média, de 35 toneladas, com pesos entre as 22 e as 78 toneladas.

O Scania Transport Laboratory é uma subsidiária detida integralmente pela Scania, mas funciona como uma empresa de transporte independente. O CEO é Anders Gustavsson. "A missão da Scania Research and Development é gerar rapidamente dados de funcionamento sobre os veículos novos", explica Gustavsson. "Os dados recolhidos são depois utilizados para melhorar ainda mais as soluções de transporte e os produtos Scania."

Gustavsson assinala que o consumo de combustível médio do R 580 tem sido de 29,8 litros aos 100 km.

A Scania utiliza cerca de 100 motoristas para manter a frota do laboratório dos transportes a funcionar 24 horas por dia, o que lhe permite cumprir a sua importante missão. A distância entre Södertälje e Zwolle é de cerca de 1.300 quilómetros, e trabalham 4 a 6 motoristas por turnos para fazer o trabalho. Cada veículo viaja aproximadamente 10.000 quilómetros por semana e tempo operativo da frota é de quase 100%.

Cem Kizilkaya é Gestor de Veículos do Scania Transport Laboratory. "Para gerir esta operação, é necessário um exaustivo planeamento dos motoristas, pelo que contamos temos uma excelente forma para o gerir", afirma.

A empresa de transportes Transweb estudou a ferramenta de planeamento do laboratório e considerou-a tão eficiente que copiou. Os motoristas e os executivos da Transweb já visitaram o Scania Transport Laboratory em três ocasiões para obterem mais informações sobre a condução eficiente dos camiões e a gestão de uma frota.

Poderá pensar que os motoristas profissionais que trabalham para o Scania Transport Laboratory não dão importância ao camião que lhes foi atribuído para conduzir. Mas mesmo aqui o V8 é rei. "A maioria dos camiões é mencionado pela matrícula, exceto o R 730", diz Kizilkaya. "Até para os motoristas experientes, conduzir um camião V8 é algo especial."

  • rich-text-image Com o conta-quilómetros a atingir os 900.000 quilómetros em outubro de 2015, um Scania R 580 do pela Scania Transport Laboratory é quase que certamente o camião V8 Euro 6 mais viajado do mundo.
  • rich-text-image Annette Lindström tem três décadas de experiência como motorista, os últimos cinco no Scania Transport Laboratory.

Investigação em movimento

CINCO PERGUNTAS

Annette Lindström é uma das quase 100 motoristas que trabalham para o Scania Transport Laboratory, as instalações de investigação da empresa que procuram obter dados da vida real sobre o setor dos transportes. Legend falou com Lindström antes de mais um trabalho num R 580.

  1. Em que medida o Scania Transport Laboratory trabalha de forma diferente à de outras empresas de transporte de longo curso?

    Há uma grande diferença. Conduzo desde 1986, tenho uma grande experiência no setor dos transportes, e trabalho há cinco anos para o Scania Transport Laboratory. É muito aliciante trabalhar num local especial, onde me sinto envolvida no desenvolvimento do setor através da investigação que é aqui feita.

    Conduzir para o Scania Transport Laboratory também é extremamente seguro. Tenho acesso permanente a uma fantástica assistência, caso ocorra algum problema. Além disso, estamos constantemente a experimentar novos veículos, pelo que os dias nunca iguais. A habituação a esta forma de trabalhar demora algum tempo. Por exemplo, se sair da Suécia para sul, recebo um novo veículo quase todos os dias a caminho da Holanda, o que é fantástico. Antes, conduzia sempre o mesmo veículo.
     
  2. Como é conduzir uma plataforma de 31,5 metros, quando comparada com a versão normal de 25,25 metros?

    Não há uma grande diferença quando estou a conduzir em linha reta. Reparo no comprimento da plataforma sobretudo quando estou a parar para descansar. Tenho de pensar onde vou encontrar espaço para os mais de 31 metros que estou a transportar, o que pode ser um verdadeiro desafio em algumas áreas de estacionamento.

  3. Como é conduzir camiões V8?

    É fantástico. Têm uma capacidade muito maior, algo que se nota mais evidente quando estou a conduzir nas subidas. Hoje em dia, mesmo as plataformas com dupla carga não perdem grande velocidade. Espero ter oportunidade de conduzir um R 730 em breve. É um veículo que me interessa muito conduzir.

  4. Receberam formação adicional no Scania Transport Laboratory. Teve algum impacto na sua condução?

    O que foi mais notório desde que me juntei à Scania é o foco na condução económica. Antes, conduzia sempre a fundo mas, com as maiores exigências atuais, estamos sempre a ser desafiados para conduzir de forma mais ecológica e económica.

  5. Também conduz um V8 quando não está a trabalhar, um Oldsmobile de 1960. Qual é a sensação?

    O meu Oldsmobile descapotável é meu grande passatempo e a luz dos meus olhos. Estou sempre a restaurá-lo, e este ano vou concertar algumas coisas, incluindo retocar a pintura e substituir os estofos. Passo muito tempo a conduzir no meu tempo livre, pelo que este verão vou a Tallinn com alguns amigos para fazer um cruzeiro.
"Recebo um veículo praticamente novo todos os dias a caminho da Holanda, o que tem sido incrível."

Factos

Annette Lindström, Motorista no Scania Transport Laboratory
Idade: 56
Família: Quatro filhos e dois netos
Interesses: V8s americanos antigos, gatos e a sua família.