You seem to be located in .

Vá ao seu site de mercado Scania para mais informações.

O mundo uniu-se à volta de 17 objetivos de desenvolvimento sustentável para todas as pessoas e todos os setores da sociedade. O contributo da Scania para atingir esses objetivos consiste em traduzi-los em soluções de negócios sustentáveis. 

A Agenda 2030 é uma agenda comum que exige a colaboração entre governos, empresas e a sociedade civil em geral. Acreditamos que os 17 objetivos têm o potencial de transformar as sociedades e as empresas. 

Um sistema de transportes eficaz é fundamental para uma economia competitiva e resiliente. O fluxo eficiente de mercadorias e pessoas é um fator facilitador fundamental para o desenvolvimento, ao contribuir para a segurança alimentar, a educação, a redução da pobreza, o crescimento inclusivo e muito mais. Ao mesmo tempo, o transporte na sua forma atual está associado a impactos negativos, tais como emissões de CO2, poluição do ar, congestionamento de trânsito e acidentes rodoviários. As soluções de transportes eficientes e ecológicas não estão disponíveis para todos. Nos próximos anos, temos a oportunidade de desenvolver um sistema de transportes sustentável que responda às necessidades das sociedades, das cidades e das comunidades para movimentar pessoas e mercadorias. Um sistema de transportes acessível a todos que liga as pessoas, cria mercados e incentiva o desenvolvimento económico e social. Os sistemas de transportes devem ser desenvolvidos para maximizar o impacto na qualidade de vida das pessoas ao serem seguros, baratos e acessíveis, mas também ao minimizarem o impacto negativo nas pessoas e nos seus meios de subsistência. Temos de ter em consideração o impacto das soluções de transportes nas metas de desenvolvimento sustentável de uma perspetiva de ciclo de vida, desde a extração das matérias-primas até ao fim da vida útil.

Atualmente, o combate às alterações climáticas e aos impactos associados é a principal prioridade para o setor dos transportes. A direção estratégica da Scania é liderar a transição para um sistema de transportes sustentável. Em 2018, a Scania iniciou o Pathways Study para ver como pode ser um futuro sistema de transportes comercial sem combustíveis fósseis, a ser alcançado até 2050. Somos parte do problema, mas juntos também somos parte da solução.

ODS 1 - Fim da pobreza

Os sistemas de transportes fiáveis e eficazes são um pré-requisito para o desenvolvimento inclusivo e para a redução da pobreza.

ODS 2 - Fome zero

As cadeias logísticas eficientes na agricultura garantem o acesso ao mercado e a alimentos, a preços acessíveis.

ODS 3 - Saúde e bem-estar

O setor dos transportes é uma das principais causas para a poluição do ar nas nossas cidades, causador de doenças e mortes prematuras. Mais de um milhão de pessoas morrem em acidentes rodoviários todos os anos.

ODS 4 - Educação de qualidade

Um sistema de transportes local, económico e que funcione bem proporciona acesso a instalações de ensino e promove a igualdade de oportunidades de aprendizagem.

ODS 5 - Igualdade de género

As opções de transporte seguras e económicas são a chave para aumentar a participação, a educação, a produtividade e a saúde das mulheres. O transporte também pode aumentar o emprego entre as mulheres. 

ODS 6 - Água potável e saneamento básico

Um sistema de transportes eficiente e limpo garante o acesso à água e ao saneamento básico. Por outro lado, as emissões dos setores dos transportes e da produção podem afetar a qualidade da água. 

ODS 7 - Energia limpa e a preços acessíveis

Atualmente, o setor dos transportes é, em grande medida, alimentado por combustíveis fósseis. Uma combinação do desenvolvimento de motores e transmissões, bem como de medidas de eficiência para o sistema de transportes e combustíveis renováveis, pode fornecer energia moderna para todos.

ODS 8 - Trabalho decente e crescimento económico

O setor dos transportes é um fator facilitador para a produtividade, a criação de emprego e o crescimento económico global. No entanto, a promoção do trabalho decente ao longo das cadeias de valor continua a ser um desafio.

ODS 9 - Indústria, inovação e infraestrutura

Atualmente, a inovação em tecnologia limpa e sustentável é responsável pela grande parte dos investimentos em I&D do setor dos transportes. O transporte, setor de grande importância, pode acelerar a adoção de inovações, como os Sistemas de transporte inteligentes (STI) e a tecnologia limpa.

ODS 10 - Redução das desigualdades

Uma infraestrutura de transportes bem desenvolvida consegue unir as áreas urbanas e rurais, e criar um acesso mais igualitário a oportunidades como empregos, educação e serviços. 

ODS 11 - Cidades e comunidades sustentáveis

Os sistemas de transportes bem planeados e bem concebidos ligam as regiões e as pessoas, e asseguram o acesso a serviços e mercadorias. O transporte público acessível e económico, e a logística incentivaam o desenvolvimento e as oportunidades.

ODS 12 - Consumo e produção responsáveis

Os sistemas de transportes inteligentes andam lado a lado com consumo e produção sustentáveis. A mudança de sistemas logísticos cheios de resíduos para uma logística inteligente, conectada e sustentável.

ODS 13 - Ação climática

Atualmente, o setor dos transportes é responsável por quase um quarto do total de emissões de CO2 relacionadas com a energia. As alterações climáticas são uma das maiores ameaças ao nosso planeta e o setor dos transportes, na sua forma atual, está associado a impactos negativos, tais como emissões de CO2, poluição do ar, congestionamento de trânsito e acidentes rodoviários. Será fundamental estabelecer um sistema de transportes mais sustentável para combater as alterações climáticas e os impactos associados. 

ODS 14 - Vida submarina

A expansão dos sistemas de transportes no mar pode degradar os ambientes marinhos e costeiros, com as emissões de CO2 do transporte terrestre a contribuírem para a acidificação dos oceanos. 

ODS 15 - Vida na terra

Os sistemas de transportes atuais estão a degradar os ecossistemas terrestres. As práticas futuras precisam de integrar fatores sustentáveis no planeamento inicial do desenvolvimento de infraestruturas para garantir uma vida sustentável na terra. 

ODS 16 - Paz, justiça e instituições fortes

O transporte é um fator chave facilitador para reconstruir as sociedades pós-conflito.

ODS 17 - Parcerias para atingir os objetivos

As parcerias com vários intervenientes para partilhar conhecimentos, competências, tecnologia e recursos são fundamentais para cumprir os ODS globalmente.