You seem to be located in .
Vá ao seu site de mercado Scania para mais informações.
Brasil
region sprzedaży
Production units

Scania utiliza a Internet para nacionalizar peças

A Scania quer aumentar o número de peças nacionais empregadas na montagem dos caminhões e ônibus da Série 4, lançada há dois anos, e vai utilizar a Internet para acelerar esse processo. As especificações e fotos de 280 itens para os quais a empresa pretende desenvolver fornecedores locais poderão ser conhecidas, a partir de amanhã, no site www.scania.com.br/compras. Essas peças, que vão desde arruelas até componentes eletrônicos, representam um volume anual de compras superior a US$ 8 milhões.

"Com a Internet vamos acelerar o processo de nacionalização de componentes da Série 4, o que representa uma oportunidade para os produtores locais. Como o sistema de produção da Scania é global, os fornecedores da Scania Brasil terão condições, havendo oportunidade, de atender a demanda da empresa em todo o mundo", destaca Evert Halvarsson, responsável por Compras e Engenharia de Caminhões. Hoje, o índice de nacionalização dos veículos fabricados pela Scania é, em média, de 83%, em valor. Desde o lançamento da Série 4, houve uma evolução de aproximadamente 52% no programa de nacionalização.

Os fornecedores interessados no desenvolvimento de peças para a Scania poderão enviar seus dados por e-mail diretamente para o Departamento de Compras. "Vamos entrar em contato com todos os candidatos para iniciar o processo de avaliação e discutir condições de qualidade, capacidade, prazos de entrega e preços", informa Halvarsson. Além da divulgação pela Internet, a Scania mantém em sua fábrica em São Bernardo do Campo uma exposição permanente de itens a serem nacionalizados.