You seem to be located in .
Vá ao seu site de mercado Scania para mais informações.
Brasil
region sprzedaży
Production units

Scania lança edição especial da Série 4

Como parte da campanha de introdução do Contrato de Reparo e Manutenção no mercado brasileiro, a Scania está lançando a série especial Millenium. Com produção limitada a 1000 unidades, os caminhões da série Millenium são equipados com CD-Player e climatizador do ar da cabina, itens inéditos, além de outros opcionais, como faróis de milha, volante ajustável e espelho angular do lado do passageiro. A série Millenium oferece duas opções de motorização, a eletrônica, com 420 cavalos, e a mecânica, com 360 cavalos. Há também duas opções de cabina, a avançada (versão R) e a com capô (versão T).

Produzidos na exclusiva cor vinho e com grafia personalizada, os veículos da série Millenium incorporam o Acordo de Manutenção, que assegura revisões preventivas e a troca de óleos lubrificantes e dos filtros por um ano. Como opção, a série Millenium oferece, por um custo reduzido, seguro completo e o Contrato de Reparo e Manutenção, que garante assistência técnica por dois anos em todas as concessionárias Scania no País por um custo predeterminado.

"O preço da série Millenium é altamente competitivo. Os modelos equipados com motor eletrônico custarão R$ 140 mil e os caminhões com motor mecânico R$ 135 mil", informa Silvio Munhoz, diretor de Vendas de Caminhões da Scania. O lançamento da Millenium, primeira edição especial da Série 4, consolidará, segundo Munhoz, a liderança da marca no mercado de caminhões pesados. Os veículos da série Millenium, que terão condições especiais de financiamento através do Scania Plan, também poderão ser adquiridos através do Consórcio Nacional Scania.

O Contrato de Reparo e Manutenção, disponível no Brasil desde fevereiro deste ano, é um dos principais atrativos da série. "Com esse contrato, os transportadores podem reduzir significativamente seus custos operacionais pela possibilidade de programarem revisões preventivas periódicas, reduzindo os riscos de paradas inesperadas", assegura Munhoz.